segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Efeito Segunda-feira

E lá estava eu, calmamente recostado sobre o sofá, praticamente jogado, comendo doritos, bebendo coca-cola (não to ganhando um centavo da pepisico nem da coke co.) assistindo a Um diário de uma babá, claro, bem acompanhado (se eu não disser isso levo uns beliscões ou um pau-de-macarrão na cabeça) e com o termino do filme, lógico, extras. Entrevistas no set de filmagem e eis que vejo Alicia Keys usando uma jaqueta bem conhecida: Verde e amarela e com a bandeirinha brasileira bordada no peito!

Inverno de 2003, dezembro, 5° negativos e só meus olhos de fora, enfrentei o frio para ir ao supermercado naquela linda tarde cinzenta de Berlim. Caminho traçado: S-bahn até o Zôo e depois U 2 até a Bismarckstrasse para assim ganhar a rua e ir às compras.

No meio do caminho me deparo com uma loja de roupas praticamente berrando as cores da bandeira pindorâmica. Claro, atingido por um sentimento ufanista e de extremo orgulho, me aproximei das araras e peguei um dos casacos. Amarelão com detalhes verdes e a bandeirinha bordada ao peito. Distraído observando o agasalho e tentando entender o porquê dele estar sendo vendido em terras teutônicas, sou chamado assim de surpresa para o mundo real ao ouvir uma exclamação:

_Oh, é tão lindo!
_Ah, obrigado, minha mãe sempre diz isso!
_Hum, bem, desculpe-me mas me referia ao casaco...
_Hunf, pois é, o que mais poderia ser?

Daí parei para olhar a origem das palavras com a sensação de já ter escutado aquela voz antes e vi uma moça morena de cabelos cacheados e roupas brancas contrastando com sua pele e o cachecol vinho, parada diante de mim, com um sorriso encantador nos lábios.

_Alicia?
_Sim e você?
_Naldo Costa...
_É brasileiro?
_Sim...
_Reconheceria pelo charme, mesmo sem estar segurando esse blusão!
_Ham? Bem? E você, o que faz em Berlim?
_Passeando, vim ver o Silvester no Portão de Brandemburgo!
_Ah, claro! É muito bonito!
_E você, o que faz tão longe de casa?
_Estudo, fazendo dois períodos da faculdade...
_Que interessante! Qual área?
_Arquitetura.
_Hum, Berlim me pareceu uma ótima cidade para se viver arquitetura...
_Realmente sou visinho de obras do Aldo Rossi, Piano, Oscar, Corbusier... Artistas parecem viver em Berlim, contudo, mesmo depois de ver Matt Damon pular os trilhos da Ostbahnhof, eu não imaginaria encontrar você em uma esquina.
_Então essa cidade respira arte!
_Percebo isso a cada dia!
_Bem, já que somos artistas...
_Sou só um aspirante
_Mesmo assim... Pensando no futuro artista que será, gostaria de pedir um presente, assim, para uma futura fã...
_Ahn? (O que será que ela bebeu?)
_Seria bem interessante, ganhar um blusão do Brasil, ainda mais se for de brasileiro, o que acha Naldo?

Tanta volta só pra me pedir um casaco que de brasileiro só tem as cores, já que a etiqueta diz made in china.

_Sentir-me-ia muito honrado!
_Ah! Mas precisa de um croqui nele...
_Tudo bem, mas farei aqui perto da barra e pelo lado de dentro, assim não estraga o casaco!
_Como quiser!

Rabisquei algo que seria o início de uma idéia para a casa Tau e entreguei o blusão para ela.

_Ah! Muito obrigada! Pronto, fique com o meu cartão, você não vai sair da cidade nos feriados né?
_Só no natal, mas volto para o Silvester!
_Ótimo, nos falamos então.


Ela me deu um beijo no rosto quase na boca, sorriu e foi saído da loja, me deixando perplexo com seu cartão na mão e a conta pra pagar...





Obs: Embora existam alguns fatos nesta história, ela é uma obra de ficção, mas eu não vou dizer o que é verdade ou o que é fruto da minha imaginação doentia, cabendo a você descobrir a realidade, isso, claro se você quiser, caso contrário, não faz diferença!

3 comentários:

Tine Araujo disse...

Achei ótima!
E haja imaginação hein?

Mas é legal ver roupas brasileiras e principalmente a bandeira em filmes estrangeiros.


Abraços

Alessandra disse...

O.o

E. Lauffer Zerfas disse...

rsrsrsrsrsrsrsr
tá pau de macarrão eu não uso !
srsrsrrssrrssrsrsrr
Bem, seja quem for que ganhou o casaco, a divida ficou contigo....rsrsrsrsr
beijos!!