quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Coisas legais que ja passei

Uma vez vi um meme rolando por aí sobre 10 coisas que preciso fazer, mas como meu perfil de escrever é outro, resolvi postar algumas coisas e não apenas 10, que eu já fiz.
Durante esses meus poucos anos de vida, acredito que algumas coisas me ajudaram a ser uma pessoa melhor, então, aqui uma pequena declaração:
Sobre minha filha

Senti-me a pessoa mais feliz do mundo quando soube que seria pai;
Já dormi em um banco de hospital preocupado com a pequena que nasceu;
Passei noites em claro fazendo-a dormir;
Aprendi e ainda aprendo a cada vez que nos enc
ontramos;

Sobre coração
Já namorei uma ruiva linda que despencou de longe só pra me ver;
Contei estrelas com alguém muito especial;
Olhos lindos sempre me
fascinaram;
Já larguei tudo por uma paixão e me arrependi amargamente por isso;
Já disse eu te amo em italiano, espanhol, alemão e russo;
Já passei por dois noivados;
Já tive 3 namoradas ao mesmo tempo e aprendi que só os seguidores de Maomé têm cabeça para tanto;
Já namorei uma gótica;
Já viajei com uma amiga e me apaixonei po
r ela;
Aprendi que s
exo por sexo não tem graça;
Estou apaixonado pela mulher mais encantadora do mundo;




Sobre mochila nas costas
Já cantei nos
Alpes para ser feliz;
Sempre busco energia da
minha terra para seguir novos caminhos;
Comi comidas esquisitas;
Presenciei festa de casamento de outra cultura;
Caminhei por várias cidades diferentes com uma câmera na mão;
Neste momento estou como mochileiro;




Sobre ídolos

Conheci Clara Gomes
Conheci Lua França
E posso dizer que tenho a graça de poder conversar com as pessoas que admiro pelo talento;

Sobre capoeira
Decidi jogar capoeira depois de velho;

Ferrei os dois joelhos por isso;
Continuo jogando e não pretendo parar;
Aprendi a tocar berimbau;

Sobre sub cultura gótica
Uso preto quase sempre;
Amo lacrimosa, hydria, épica, tristania e nightwish;

Sobre escrever
Já escrevi um livro, inicio, meio e fim, mas não editei por ele conter poesias sobre sentimentos e pessoas que não fazem mais parte da minha vida;
Escrevo contos sobre personagens jovens e estudantes, um sonho que nutro desde do ensino médio;
Escrevo contos sobre uma arquiteta brasileira que mora em Berlim para manter viva minhas lembranças dessa bela cidade;
Escrevo sobre druidas, elfos e cavaleiros imaginários, mas que existem a cada palavra que digito no meu teclado;
Escrever me fez conhecer outras pessoas que também amam escrever;

Paz e bem!

5 comentários:

E. Lauffer Zerfas disse...

Eu te amo muito !!!!!!!!
Seu olhar e suas poesias me conquistam todos os dias na minhas lembranças e na sua lembrança.
Parabéns
e Muito obrigada por estar do meu lado!!!.

Lua disse...

Huahahi fiquei toda boba qdo li "Lua França" XD.
Imagina, a graça é toda minha! =p
Beijos, espero q esteja curtindo mto a viagem! =*

Mailin disse...

Você é mesmo uma pessoa tão especial, meu amigo!
Te adoro

Viviane Mag disse...

Caramba, quantos acontecimentos! Que máximo! Fico feliz por vc!!! Grande abraço e boas festas...

Tine Araujo disse...

Já li este post algumas vezes hehehe hoje resolvi deixar um comentário.

Acho que deveria rever esse paragráfo: "Já escrevi um livro, inicio, meio e fim, mas não editei por ele conter poesias sobre sentimentos e pessoas que não fazem mais parte da minha vida"

Todo mundo que passa pela nossa vida deixa um pouco de si e leva um pouco de nós (não lembro quem disse) por isso, troque nomes se for necessário, mas não deixe de compatilhar sentimentos eles não pertencem a outrem e, sim, só a você.

Descrever sentimentos é um dom :)


Beijos